quinta-feira, 24 de março de 2016

PONTE DO LUNHO 1972.

LUNHO MOÇAMBIQUE 1972.



A VIATURA DE SOCORROS JÁ SE ENCONTRAVA
NO AEROPORTO DE VILA CABRAL PARA ME
TRANSPORTAR PARA O HOSPITAL DO SETOR "A"
HOSPITAL DO SETOR "A" DE VILA CABRAL
ONDE EU ESTIVE ENTERNADO
17 DIAS A TOMAR SÔRO.
"BERNARDINO PEIXOTO"

PICADA DE NOVA COIMBRA
PARA O LUNHO 1972.

Neste acampamento possuiu além de um refeitório que não
Existiu para praças e uma messe-salão de desportos.Dentro deste restaurante
" O melhor do Lunho" tomavam refeições os oficiais e sargentos.A cozinha era apegada e a liga-la com o refeitório podia ver-se ainda um buraco através de
qual os pratos passavam. Sobre o dito buraco existiu um memorial frase lapidar
Do seguinte teor."DIETA OBRIGATÓRIA"

A PADARIA DO LUNHO.
BERNARDINO PEIXOTO NO LUNHO 1972

LEVANTAMENTO DE UMA MINA NA PICADA DE NOVA
PARA O LUNHO(FURRIEL SOARES).

BERNARDINO PEIXOTO.
NO LUNHO 1972.


Este posto de socorros era efetivamente uma miséria havia um soldado que precisava de ser injetado qualquer medicamento mas
tal não se fazia porque várias vezes não havia seringas outras vezes faltava o álcool etc.....O pessoal sujeito a alimentação como aquela que se verificava tinha uma necessidade incrível de vitaminas.Também estas faltavam de quando em quando apareciam uns concentrados de vitaminas em embalagens mas a quantidade era pouca que só eram distribuídas aos mais necessitados ou aos mais amigos.Com toda esta falta de medicamentos tornava-se fácil a distribuição dos mesmos aos diversos enfermos.Contudo estávamos mal servidos e doentes para tratar não faltava.Os membros da comissão veterinária eram todos do sexo masculino conforme os doentes assim o tratamento o diferia.O sr. capitão era atendido mesmo com bata branca o alferes era atendido sem refilar e por ultimo o 1.º Sargento era tratado no seu quarto de bata e com todos os condicionalismos indispensáveis.Contudo as pessoas eram todas de carne e osso e as divisas e os galões nada nos devia dizer.


O BOMBARDEIRO T.6 VOANDO SOBRE AS MATAS DO LUNHO:

A Pêga que levava o correio ao Lunho.


.
ESTE PEQUENO AVIÃO TINHA O NOME  DE PÊGA
NOME QUE OS VELHINHOS LHE PUSERAM
VISITAVA-NOS DUAS VEZES POR SEMANA.
.
QUANDO HAVIA CORREIO COISA QUE RARAMENTE
ACONTECIA ERAM DIAS DE FESTA .

BERNARDINO PEIXOTO NA PONTE DO LUNHO 1972.

Capela dos Bidões.

No Lunho também pude ver uma capela sem padre:



Niassa Moçambique Lunho 19 de Novembro de 1972.


quarta-feira, 23 de março de 2016

NO DIA 31 DE OUTUBRO DE 1973 ESTA VIATURA ACIONOU UMA MINA NO TRAJETO
DA MIANDICA COM DESTINO AO LUNHO.NESTA VIATURA SEGUIAM O CONDUTOR E SEIS SOLDADOS
APENAS TIVERAM FERIMENTOS LIGEIROS
ESTA ZONA ERA MUITO RICA  POIS MINAS ERA MATO.
À QUEM LHE CHAMOU E BEM (ESTADO DE MINAS GERAIS).
ESTE ENGENHO SE NÃO FOSSE DETETADO PODIA FASER IR PELOS
ARES O PESSOAL E PODERIA DAR ORIGEM À APRENDIZAGEM
DE PARAQUEDISMO.


O BOMBADEIRO T.6

19 DE NOVEMBRO 1972 CHEGADA AO LUNHO.

"OS KOKUANAS" JÁ  VELHOS COM AS SUA FARDAS JÁ DEBOTADAS
PELOS MUITOS MESES DE USO ONDE O BRILHO DAS ENVERGADAS DOS
CHECAS ACABADOS DE CHEGAR DA METRÓPOLE NOVINHOS EM FOLHA
NOS INDICANDO QUE O AQUARTELAMENTO DO "LUNHO" FICAVA
PARA A ESQUERDA. ESTES  VELHINHOS PERTENCERAM À
C.CAÇ.3392.
A C.CAÇ.4141 OS GAVIÕES A CAMINHO DO LUNHO
19 DE NOVEMBRO DE 1972
A C.CAÇ.4141 OS GAVIÕES A CHEGAR AO INFERNO DO LUNHO.